quinta-feira, 12 de setembro de 2013

Prece


Dedico a Ivan Vagner Marcon



Consumida, chama.
Vestida em desejo
Arde atada ao mastro.

Trina alma em pervertido solo.
(preservado solo)
Aquele, inquieto
Aquele, intocado e leve.
Aquele ...
Amordaçado.
O Sentido derramado.
Líquido e claro.
Aquele...

O que há de ser preservado.
Meu deus meio diabo.
O meu solo sagrado.
Aquele...

Aquele que deve ser silenciado.
Feitiço derramado.
Alma ao mastro atada.
Mas Aquele...
Santo e Imaculado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário