sexta-feira, 26 de agosto de 2011

Gosto da minha vida monocromática.
Gosto da vida prática preto no branco.
Reservo as nuances coloridas para coisas do sentimento. Para os surtos felizes.
Há tempos não acredito no misticismo.
Há tempos só acredito no que é palpável.
...Há tempos tenho os pés na descrença.
No entanto, minha busca é no além EU.
No além mundo.
No impalpável.
Eis o dilema.

Nenhum comentário:

Postar um comentário