segunda-feira, 25 de julho de 2011

Crime

Queria escrever um poema.
As palavras me fugiram.
Debandaram.
Partiram em procura.
Foram levadas embora de uma única vez.
Deveria ser crime roubar a palavra obscenamente.
Fica decretado crime o roubo das palavras dentro.
Decretado crime a ausencia dos motivos a outrem.


2 comentários:

  1. Decreto assinado e divulgado,mas aqui elas fluiram livremente com beleza e mesmo encanto de sempre.Bela criação Katia.
    Um abraço de paz.
    Bju.

    ResponderExcluir